RECEITAS

Embora a dieta que desenvolto esteja  esteja mais focada na nossa parte mental, nas nossas emoções, nos nossos pensamentos, considero que a dieta está realmente completa quando estamos atentos a nós como um todo. Eu não posso descuidar-me do corpo, achando que isso não vai afectar a minha parte psicológica, bem como a minha alma (sim, eu acredito na alma, bem como alguns cientistas). Para além disso, e curiosamente, eu vim parar à espiritualidade (se é que é correcto dizer isto, pois espirituais somos todos, ser espiritual é simplesmte "ser" sem medos) por uma questão física. Uma questão física que me fez mudar completamente a minha alimentação e na verdade eu alcanço através da minha dieta de vida uma leveza em dois planos - no físico e no espiritual. Para isso acontecer, claro que, tenho atenção à forma como alimento a minha mente e como alimento o meu corpo.

Assim sendo, este blog estará atento ao teu todo - à tua saúde mental, física e espiritual, por isso, sempre que possível irei partilhar contigo receitas saudavéis e saborosas. Sim porque a vida tem mais sabor também a partir do paladar e nós alcançamos esse prazer a partir da comida, mas atenção achar que a comida vegetariana não tem qualquer sabor é um erro. Adoro cozinhar e cozinhar com legumes, inventar pratos repletos de cor, de vitaminas, de vida é um desafio, devo confessar, mas dá-me um enorme prazer cozinhar com "saúde" e em simultâneo alcançar pratos deliciosos. Se tens dúvidas disso é muito simples, eu deixo-te as receitas e tu vais experimentando, prometo que são simples, rápidas e práticas.

Lembra-te de uma coisa, a vida tem mais sabor, no seu todo, quando tu olhas para ti também como um todo. O teu corpo físico é a embalagem, é o templo da tua alma que não podes tocar mas podes sentir. E se formos a ver tudo aquilo que não podemos tocar, mas que sentimos é o que mais força tem nas nossas vidas  - o amor e o medo.

Podes acompanhar-me também no Facebook


Sem comentários:

Publicar um comentário